domingo, 12 de dezembro de 2010

Sempre a tempo.

Ele pega na minha mão e o mundo deixa de girar. O som deixa de existir, as pessoas deixam de aparecer à nossa volta e tudo se funde naquele gesto único, naquela mão, naquele respirar que é somente dele, e naqueles olhos que me levam a um nível extremo de loucura. Deixei de saber o que fazer. Fico sempre sem reacção, as minhas pernas tremem, as minhas mãos insistem em permanecer quietas, sem mexer um único dedo, e apenas o meu coração se mexe. Salta, pula, treme, e sinceramente, já nem eu própria sei sequer o que fazer com ele. E ele sorri. Sorri daquele jeito só dele, daquele jeito único e memorável que só me faz querer mergulhar nele, mergulhar naquele sorriso. Sorri sem fronteiras, sem dizer qualquer tipo de palavra, na esperança de que eu reaja e de que lhe diga algo. Mas eu não sou capaz. O meu riso é mais forte que eu, e decide manifestar-se. E ele ri também. Uma perfeita sintonia, um conjunto de sensações que se manifestam sem pedir permissão. Pega na minha mente e viaja. Leva-me aos paraísos mais longínquos, arrasta-me até ao mais alto ponto e ali ficamos, a contemplar o azul do céu, a pureza de todo o ar que nos entra pelo nariz a dentro e que nos sai tão espontaneamente. Abraça-me, acaricia-me, mas nunca se vai embora. Nem mesmo quando assim tem de ser. Abraça-me profundamente e eu entro numa azáfama interior, que nem o meu pensamento consegue acalmar. Mas eu gosto. Gosto de sentir isto, e gosto que seja ele a fazer-me sentir isto.

13 comentários:

  1. - amei mesmo :$
    - :') brutal tu escreves de um jeito good mesmo :O
    querida voltou algo mais forte? daquele amor antigo? :)

    ResponderEliminar
  2. adorei querida, acredita em como e sempre um gosto dar uma escapadela para ler os teus textos, sempre que aqui venho podes ter certezas de que venho sem falta ao teu blog.

    ResponderEliminar
  3. Venho aqui so pra ouvir a musica :O amo mesmo
    *-*

    ResponderEliminar
  4. Oinn, OBRIGADA mesmo :$
    és uma querida *.*

    ResponderEliminar
  5. gostei mesmo muito!
    escreves mesmo bem, muito bem mesmo!
    continua pois tens muito geito para a escrita (:

    ResponderEliminar
  6. Preciso de agradecer sim, e tu também és muito querida :)

    ResponderEliminar

pégadas.